Sob um olhar - GOSTEI!

Compartilhando o melhor para você

Hot

Post Top Ad

14 de jan de 2007

Sob um olhar








Olho do meu olhar
Um olhar que registra
- E registro o instante.
Sob luzes artificiais
Uma lente natural
Outras tantas de cristal

Uma câmera
E vejo o que viu uma vida inteira
E deixou aos cuidados da mente
Que por relapso
Pouco lembra-se
Distorce cores antigas
Faz brotar saudades
Do que foi visto e vivido
Com a atenção de um par de olhos
Que espelham um espírito inquieto.

[osair de sousa]

18 comentários:

Anônimo disse...

Tão inquieto, mas tão inquieto, que burburinha nas linhas de tua belíssima poesia. Parabéns. Voltaste com o olhar radiante de luz e inspiração. Maria

Renatinha disse...

que lindo..

"faz brotar saudade..
Do que foi visto..
e vivido.."

ameiiii

hei man
aquele 2007 escandalosamente maravilhoso pra nós..
e vai ser siM

beijoimenso

Anônimo disse...

Vim aqui e dei uma espiadinha sob um olhar... Maria

Anônimo disse...

Tenho de ser forte.
Não posso deixar as situações do momento abaterem minha alma. Um minuto vem depois do outro e logo não vivemos mais o mesmo instante. Tudo passa, assim como aquilo que nos quer abater, que nos quer derrubar. O universo não pára e não cabe a nós nos deixar prender em ventos de tempestades. Os
furacões também se transformam em brisa com o tempo. E nisso precisamos acreditar. Que o vento do trovão de hoje pode ser a chuva que alimenta a floresta amanhã e não só a tempestade que arranca uma árvore. Maria.

Anônimo disse...

Tenho de ser forte.
Não posso deixar as situações do momento abaterem minha alma. Um minuto vem depois do outro e logo não vivemos mais o mesmo instante. Tudo passa, assim como aquilo que nos quer abater, que nos quer derrubar. O universo não pára e não cabe a nós nos deixar prender em ventos de tempestades. Os
furacões também se transformam em brisa com o tempo. E nisso precisamos acreditar. Que o vento do trovão de hoje pode ser a chuva que alimenta a floresta amanhã e não só a tempestade que arranca uma árvore. Maria.

Anônimo disse...

Os dias passam as noites se aproximam. Mas também a escuridão tem a sua luz. A lua, tão importante para a vida na terra, brilha sua luz em meio a escuridão da noite, no lado escuro da terra. Também as estrelas só podem ser vistas no céu durante a noite. Isso não quer dizer que nunca estão lá. Elas só descansam a sua luz nos momentos em que a grande estrela brilha, para voltarem soberanas nas cálidas noites de nossos dias...
Maria.

Anônimo disse...

Também devo ter brilho próprio. Minha alma está dentro de mim e é isso que importa. Sou uma mulher e assim é minha alma. Alma de uma mulher que sabe amar e doar o seu amor. Não há porque se preocupar. Minha luz não vai se apagar porque algumas estrelas não gostam dela. Minha luz vem do interior
de minha alma que é habitada por Deus a quem um dia abri meu coração. Se erro e me afasto, sou eu que o deixo e não Ele que foge de mim. Então também sei que não é Ele que deve voltar mas eu que devo me voltar a Ele.
Não preciso ter medo. Jamais estarei sozinha...
Maria.

Anônimo disse...

não devo temer de abrir a minha boca. Sei que pelo menos alguém me ouve e se importa e isso me é suficiente. Não almejo mais nada com minha voz.
Não sou cantora de músicas de sucesso e nem desejo estar em todas as paradas. Só quero falar o que meu coração dita e deixar a palavra ir onde não consigo chegar. É assim, através dela que minha alma se une a alma do
sol e tornam-se uma só luz, uma via-láctea que ilumina todo o universo das estrelas por onde caminham. A luz do meu sol basta para acolher minhas palavras. Se falo é porque sei que o sol me escuta...
Maria.

Anônimo disse...

Acho que só eu é que venho neste blog. Nem o autor dele eu vejo aqui mais... E olhe que existe tanta coisa sob este olhar...

Anônimo disse...

É verdade. Passo mais aqui do que o próprio dono. Tsc...tsc... blogger abandonado... Procura-se dono de blogger abandonado...

Anônimo disse...

Olhei suas últimas fotos poeta. Amei. Essas fotos das janelas são demais... Parabéns. Você é um talento só. Maria

Anônimo disse...

Só para dizer que passei aqui sob seu olhar.

Eliane Alcântara. disse...

Já estava com saudades de ler
seus olhares.
Beijos e um excelente início de
semana.

Anônimo disse...

Sob o olhar
As pálpebras fecham
E os sonhos são construídos.
Sob o olhar
A estrada é larga
E os horizontes bem definidos...
Maria

fada disse...

Sob um olhar
o corpo estremece
a mente se aquieta
sentimentos despertos
vivendo-me e vivendo-te
nas lembranças que vadias
percorrem as noites
sob um olhar
as estrelas dançam
a lua solitaria
me aconpanha solidaria
e assim entre saudades
e lembranças percorro
dias e dias vazios
da tua presença

te beijo

(não consegui manter a promessa feita a mim mesma de nada mais escrever aqui)

Anônimo disse...

Cheguei sob um olhar que esperava novidades... nada vi...

Equipe Blog News disse...

Temos a satisfação de informar que seu blog foi indicado e está a partir de hoje, concorrendo ao prêmio BLOG DA QUINZENA no BLOGNEWS.
Venha pegar o selo para votação no http://newsblog.com.br/ e boa sorte

Equipe Blog News

Anônimo disse...

Passei para espiar o seu olhar!!!

Post Top Ad